Dois graus fora do centro: coisas para perguntar a Deus quando eu o vir

21 de setembro de 2020

Dois graus fora do centro”É um blog mensal de Rich Keys sobre as lutas pessoais, questões e tópicos que falam da experiência SUD / LGBT. Às vezes será sério, às vezes engraçado, mas sempre abordará as coisas de uma perspectiva ligeiramente diferente.

Escrevendo livro diário caneta

por Rich Keys

Algumas décadas atrás, a revista Time publicou uma matéria de capa sobre a evolução e a origem da Terra que alimentou o debate sobre como a Terra foi criada e como o homem veio a existir. Surgiu em aulas de escola dominical e reuniões de testemunho por toda a igreja e todos condenaram os pagãos na Time-Life e todos os outros que acreditavam nessa adoração ao diabo. Enquanto o resto do mundo ficou do lado de Carl Sagan e Bill Nye, o cara da ciência, cada membro fiel veio em defesa de Adão e Eva e queria estar do lado de Deus. A ciência era novamente o vilão - tudo, do comunismo ao preço da gasolina, era culpa deles. Se havia um problema no mundo, não importa o quê, um cientista estava por trás dele.

Enquanto esse grande debate tomava conta da mídia, minha ex e eu deitamos na cama uma noite. Ela estava preparando sua próxima aula da Sociedade de Socorro enquanto eu observava a Ilha de Gilligan. De repente, desliguei o som da TV e perguntei a ela: “O que você acha de todas essas coisas de evolução? Você acha que há alguma verdade nisso? " Ela nem mesmo ergueu os olhos do livro quando disse: “Deus disse que criou os céus e a terra e colocou o homem nisso. Ele não nos contou como fez isso. Está na minha lista de perguntas que devo fazer quando O vir, mas não me mantém acordado à noite. ”

Ela continuou com sua lição enquanto eu voltava para Gilligan, mas aquele momento foi um ponto importante em minha própria evolução. Desde então, tento praticar o princípio do “suor seletivo”. Posso escalar a parede quando alguém na minha frente na via expressa tem dois itens acima do limite, mas nos grandes problemas, tendo a dar um grande passo para trás, tento obter o quadro geral, analisar as coisas e colocá-las na minha lista de coisas para perguntar a ele quando eu o vir. Isso me salvou de muita energia desperdiçada, que usei melhor em outras partes da minha vida.

Com o passar dos anos, compilei uma lista mental de coisas para perguntar a Deus quando o vir. Aqui estão alguns que vêm à mente:

1. Então, como você fez isso? A criação da Terra, quero dizer. Sei que não foi do nada porque você disse que organizava a matéria. Então, que tipo de assunto era, de onde veio isso e quem fez isso? Sempre existiu? Como pode sempre existir? Como você combinou ciência e religião para colocar tudo junto e colocá-lo em funcionamento? Como você pegou algo como um gráfico da Tabela Periódica dos Elementos e o transformou em algo tão bonito quanto a Terra? Você pode ter que simplificar um pouco para mim porque eu era formado em Belas Artes e nunca fui muito bom em Ciências, mas eu tenho que saber.

2. Adão e Eva tinham umbigo? De onde eles vieram?

3. Já que falamos no assunto, de onde você veio? Se você é o Deus de tudo, quem o criou? Alguém o gerou e como isso funciona? Eu sei que você consegue isso de todos os seus filhos porque todos nós pensamos sobre isso - é o mortal em nós - mas eu ainda preciso saber.

4. Qual é o nome da mamãe? Que papel ela desempenhou na elaboração do plano? Se sua igreja levou quase 200 anos para reconhecer oficialmente sua existência, há muito que queremos saber sobre ela.

5. Posso receber um abraço celestial da minha mãe celestial? Esperei por isso toda a minha vida terrena. E já que você me conhece e meu eu autêntico e você me ama totalmente e não há vergonha aqui, posso receber um abraço celestial de você, meu pai celestial? Não um daqueles abraços de vestiário na terra onde os caras têm que se quebrar depois de três segundos para que as pessoas não suspeitem de algo, mas um abraço realmente autêntico e completo e apenas continuar abraçando e sentindo seu amor puro e total por mim? Posso apenas sentar no sofá entre você e mamãe e sentir seu calor celestial e carinho irradiar através de mim e através de mim? Vai fazer a viagem lá embaixo valer a pena.

6. Para onde foram os dinossauros? Como os dinossauros poderiam viver milhões de anos e o homem usar todo esse combustível fóssil em menos de 300 anos e tornar o planeta tão ruim quanto é hoje? Você não poderia ter pulado os dinossauros e ido direto para o solar? Melhor para nós, menos trabalho para você, ganha-ganha. Eu sei que viemos à Terra para ser testados, mas lembre-se, estávamos do seu lado antes que esta vida na Terra começasse, votamos no seu plano, não no outro, então você não poderia nos dar uma folga?

7. Quem é a Mãe Natureza e onde ela está em nossa árvore genealógica? Ela está realmente tão chateada - desculpe, chateada - como parece por causa da forma como tratamos a terra desde que fomos expulsos do jardim? Sete furacões no Atlântico ao mesmo tempo, devastando incêndios florestais que não podemos controlar e não deixando nada em seu caminho, terremotos onde nunca houve antes, secas deixando-nos secos seguidos por inundações e de volta às secas novamente, e ainda não levamos isso a sério? Parece que "ela está furiosa e não vai aguentar mais". Quando e como tudo começou, o que fizemos de errado e como o perdemos?

8. Como os direitos LGBTQ realmente se encaixam com a liberdade religiosa e a tornam uma situação em que todos ganham? Qual foi o segredo que nunca poderíamos descobrir?

9. De onde veio a pele negra e por que você teve que criá-la? O que os negros fizeram que os tornou o bode expiatório para todas as coisas ruins que aparecem? Sua igreja mordeu a bala e pesquisou a verdade sobre como os tratamos e a Igreja colocou tudo na internet para o mundo ver. A culpa foi nossa, não sua, e nós reconhecemos isso. Eles não eram “menos valentes” antes de virem aqui. Eles não eram sitiadores de cerca na existência pré-mortal que não conseguiam se decidir. Nós admitimos tudo isso. Até demos as mãos e cantamos Kumbaya com o NAACP. Então, por que eles ainda pegam a ponta curta do bastão aqui sempre? Primeiro, é a escravidão e nós os tiramos de sua terra natal e os leiloamos como gado. Então, conquistamos a independência das pessoas no poder, mas apenas as novas pessoas no poder realmente obtêm sua independência, e os escravos têm que esperar mais cem anos até que uma guerra civil diga que eles estão livres. Mas eles ainda são tratados pelas pessoas no poder como se não fossem, porque velhos hábitos são difíceis de morrer, então as pessoas no poder lhes dão sua própria liga de beisebol, banheiros e bebedouros e até mesmo dividem uma parte da cidade para eles e eles ainda não se sentem livres, então as pessoas no poder os enviam para a guerra e integram as tropas e eles servem seu país e sacrificam suas vidas tanto quanto qualquer outra pessoa, mas então eles voltam para casa e ainda não podem comprar um carro ou uma casa porque eles são negros. Então, mais 20 anos se passam até que a lei seja alterada, então eles são realmente livres ... mas não realmente, porque as leis não mudam a atitude, especialmente a atitude das pessoas no poder. Então, agora surge um coronavírus, algum novo bicho desagradável que nunca vimos antes, e causa uma pandemia em todo o mundo, mas afeta “desproporcionalmente” as pessoas de cor mais do que as pessoas no poder. Então Chadwick Boseman morre de câncer de cólon e descobrimos que isso também afeta a comunidade negra de forma desproporcional mais do que outras. Isso significa que até mesmo vírus e doenças os discriminam e os expulsam quando estão inativos. E enquanto estou falando sobre chutá-los quando eles estão no chão, as pessoas no poder ainda parecem ter a vantagem ... ou joelho ... ao julgar, e eles levam no queixo ... ou garganta ... desproporcionalmente. Enquanto isso, enquanto a economia está afundando com a pandemia, eles continuam realizando as tarefas essenciais, como dirigir ônibus, processar a carne e manter as linhas funcionando para as pessoas no poder, e são desproporcionalmente afetados pelo vírus. Estou ficando um pouco cansado dessa palavra com D. Os negros são atingidos por tudo de forma desproporcional, desde a doença das células falciformes até a linha vermelha. Então, é de se admirar por que eles estão ficando um pouco impacientes e têm coragem de reclamar que todo o sistema é racista e não apenas aquele cara na rua? Lembra daquela sacudida em 1776? O rei Jorge não parava de colocar o joelho no homem branco aqui nas colônias, e eles finalmente se cansaram da Inglaterra e começaram a rebeliões, queimando seus navios e jogando chá no porto. Então, os brancos têm muito mais em comum com os negros do que gostaríamos de admitir, porque nós dois ficamos chateados com quem quer que ponha o joelho em nossa garganta, então por que não podemos começar por aí e concordar que temos isso em comum e ... .

Desculpe… eu saí do caminho. Você sabe que às vezes posso ser prolixo e divagar. Costumo fazer isso em minhas orações com você. Então, de volta à lista ...

10. Qual é o problema do queijo azul? Por que você permitiu que isso fosse inventado? Passei a vida toda sem álcool ou queijo azul, mas em um momento de rebelião eu comi uma salada Cobb com molho de queijo azul há duas semanas, e foi nojento. O cheiro é terrível, parece terrível e tem um gosto terrível. Não dá para saber quando está estragado, porque ainda tem o mesmo cheiro, aparência e gosto. Por que você não adicionou queijo roquefort à Palavra de Sabedoria?

A lista continuará crescendo e evoluindo. Algumas dessas perguntas podem estar na sua lista também, enquanto outras não fazem absolutamente nenhum sentido. Mas Ele me conhece e onde está meu coração, e tenho certeza de que quando eu subir no sofá e me aconchegar entre mamãe e papai, vamos fazer minha lista juntos e eles preencherão todas as lacunas. É a pequena criança em mim, a Criança de Deus, que o mantém real.

Se você gostou desta postagem, certifique-se de conferir todas as postagens no Dois graus fora do centro série de blogs.

Receba o boletim eletrônico da Afirmação com conteúdo como este em sua caixa de entrada!

  • Este campo é para fins de validação e não deve ser alterado.

1 comentário

  1. Connie Rau em 22/09/2020 às 6:37 PM

    É sempre interessante ler suas postagens. Você tem muito incentivo junto com uma boa dose de humor. Embora eu nem sempre concorde com algumas de suas descobertas, eu gosto de sua abordagem para cada questão que você aborda. Meus pensamentos sobre a existência de Deus sempre foram ... Deus é infinito ... sem começo e sem fim. Não me peça para explicar isso ... simplesmente é. Ele apenas é. Amém

Deixe um Comentário