O Senhor Olha para o Coração

maio 1, 2016

Everaldo Ewerton Melo, natural de São Luís, 37 anos, formou-se na Secretaria Executiva. Ele é membro da Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias desde os 13 anos de idade. Ele serviu como executivo da ala  secretário, presidente dos rapazes, professor primário e membro do sumo conselho da estaca em sua cidade natal. Serviu como missionário na Missão Porto Alegre Sul de 1998 a 2000. Atuou na área administrativa de hospitais por 10 anos. Atualmente ocupa um cargo em um grande hospital da cidade de São Paulo, na área filantrópica.

missão poa

“O maior aprendizado que tive na igreja e na vida, além de todas as bênçãos que recebi do Pai Celestial, é um conceito simples, capturado em uma pequena frase que diz: 'É bom ser importante, mas mais importante ser bom! '”

*****

13086883_10202041742800847_8388877728730437257_o

“O Senhor olha para o coração”

No Brasil, sempre que há um aniversário ou mesmo uma troca de presentes, como no final do ano, costuma-se perguntar o que a pessoa deseja receber. Esse tipo de pergunta me faz pensar em algum momento: O presente é realmente um presente ou foi minha escolha incondicional? O que significa esse presente? Ao receber este presente, a pessoa que o deu para mim deu de coração?

Tenho comigo um dom, por mais simples que seja, que vem do coração e acaba por ser muito especial.

Se nos dá alegria fazer algo de coração, imagine como é para nosso Pai Celestial. Nosso Deus é um Pai que nos ama incondicionalmente, que nos deu uma pequena fórmula de como podemos agradá-lo.

Antes de falarmos sobre coração, devemos entender a definição da palavra. O dicionário define o coração como "o símbolo da mente e da vontade do homem e, figurativamente, a fonte de todas as emoções e sentimentos". No Livro de Mórmon, o Senhor nos dá a fórmula verdadeira de como deve ser nosso coração para se aproximar Dele: “E oferecereis como sacrifício um coração quebrantado e um espírito contrito. E aquele que vier a mim com o coração quebrantado e o espírito contrito, batizarei com fogo e com o Espírito Santo… ”(3 Néfi 9:20).

Portanto, o Pai Celestial nos ensina como podemos realmente nos aproximar Dele ao apresentarmos nossos sacrifícios. Para que não haja dúvidas, os atributos de um coração quebrantado e um espírito contrito são:

● humildade;

● arrependimento;

● mansidão.

Esses são alguns atributos receptivos à vontade de Deus.

Minha gratidão ao Pai Celestial é imensa. Todas as coisas que tentei fazer ao longo da minha vida, fiz de coração, ou seja, sempre tentei fazer a vontade de Deus.

Gay e mórmon desde os 13 anos, sempre tive algumas barreiras. Meu maior obstáculo foi minha mãe, a quem amo mais do que tudo neste mundo. Quando comecei a dar sinais de que seria o que sou, foi um período difícil. Em minhas orações, esperava que Deus me ajudasse, mas ainda mais, sempre desejei que minha mãe não sofresse. Então chegou o momento oportuno. Quando falei a verdade, entre parênteses, algo que ela já sabia, o que eu temia que acontecesse, algo que posso descrever brevemente como um “período negro”. Ao mesmo tempo, senti alívio com o fim das mentiras e decepções. Não foi fácil, mas com o passar do tempo, ficou evidente que sendo gay eu não era menos filho da minha mãe e principalmente não deixei de ser filho de Deus.

Hoje minha mãe me ama incondicionalmente e ama quem está ao meu lado. Agora não tenho dúvidas sobre isso. Sei que Deus me ama, que Ele é um Pai amoroso, e quando apresentei meus temores, Ele sabia que em minhas orações eu tinha um coração verdadeiro. Por isso, tenho conforto no meu coração, pois sei que ele sempre nos guarda.

10844573_10200300068700083_1846067724_o

Postado em:

Inscreva-se para receber conteúdo como este em sua caixa de entrada!

  • Este campo é para fins de validação e não deve ser alterado.

Deixe um Comentário