Berta Marquez

26 de junho de 2018

Mãos reconfortantes

Berta Marquez era um membro querido da comunidade LGBTQ Mórmon que inspirou e tocou a vida de tantas pessoas. A perda de ontem entristecerá todos os que a conheceram e a amaram.

O Comitê Executivo, a Diretoria e o Diretor Executivo da Afirmação oferecem nosso amor, condolências e apoio à esposa de Berta, Kathy Carlston, e às famílias de Berta e Kathy.

Recordamos com afeto a maneira serena e pacífica com que Berta estendeu a mão aos outros, seu compromisso com os pobres e desfavorecidos e como abriu seu coração e sua casa a tantos necessitados. Reconhecemos que muitos sofrerão e se sentirão desmoralizados pela perda inesperada de alguém que tantos de nós buscamos como apoio. Em tempos de perda, é importante que nenhum membro de nossa comunidade sofra sozinho. Encorajamos todos os que a conheceram a estender a mão para outras pessoas. Estenda a mão para alguém que também a conhecia e a amava.

Você é amado, você é desejado

Se você precisar falar com outro membro da comunidade LGBTQ Mórmon, envie um e-mail para [email protected] ou ligue ou envie uma mensagem de texto para (916) 270-9692.

Se você ou alguém que você conhece está lutando contra a depressão ou pensamentos suicidas, ligue para The Trevor Project em 866-488-7386 ou visite o website onde você pode falar com alguém via texto ou chat. Ou ligue para o Suicide Prevention Lifeline, (800) 273-8255, ou o Trans Lifeline, (877) 565-8860.

Receba o boletim eletrônico da Afirmação com conteúdo como este em sua caixa de entrada!

  • Este campo é para fins de validação e não deve ser alterado.

2 comentários

  1. Ben Fewkes em 27/06/2018 às 5:13 AM

    Ela era uma das minhas melhores amigas no colégio.
    Um trekkie, um artista e um dos melhores bulls *** ers quando se trata de escrever ensaios. Sempre soube que ela seria uma estrela brilhante. Não me surpreendi quando soube que ela estava ajudando este grupo. Seu coração sempre foi maior que seu peito.

    Nunca pensei que ela iria queimar muito rápido.

  2. Alma Marquez em 02/07/2018 às 7:12 PM

    Eu sempre sentirei sua falta Beretta! E amo você!

Deixe um Comentário