Comemorando cada passo positivo

7 de abril de 2019

Encontro de jovens felizes

por David McMurray

Submetido à Afirmação após a reversão de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias de suas mudanças de política de novembro de 2015 que proibiam filhos de pais LGBTQ de serem abençoados e batizados e caracterizavam membros da igreja que se casavam pelo mesmo sexo como apóstatas. Essas mudanças se tornaram conhecidas na comunidade LGBTQ Mórmon como a "política de exclusão", "política de exclusão" ou "PoX". No dia seguinte ao anúncio da reversão desta política, Nathan Kitchen, Presidente da Afirmação, convidou todos os que estivessem dispostos a compartilhar seus sentimentos autênticos e todas as suas histórias de pesar, raiva, alívio, tristeza, felicidade, confusão, o que quer que seja que esteja ao redor a rescisão desta política. “Como presidente da Afirmação, quero ter certeza de que a Afirmação não esconde você ou suas histórias à medida que avançamos”, escreveu Kitchen em seu convite. Se você tiver reações ou uma história para compartilhar sobre a reversão da política de exclusão, envie para [email protected]. Você também pode leia outras histórias e reações à reversão da política de exclusão.

Meu filho, James, escreveu: “Não guardo uma boa memória de muitas datas em torno de eventos específicos em minha vida, mas 5 de novembro de 2015 é um que ficou. Foi um dia muito difícil e experimentei muita frustração e tristeza nesses 3,5 anos. Hoje é um dia muito, muito bom. ”

Esta é uma notícia muito bem-vinda da Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias. Decidi compartilhar as palavras de meu próprio filho sobre esse importante anúncio sobre os casais LGBT santos dos últimos dias e seus filhos. Obrigado James! Eu poderia ter compartilhado notícias / informações diretamente do MormonnNewsroom, SLTribune ou Deseret News, KSL Radio / News, Mórmons Building Bridges, Affirmation, Equality Utah e uma série de postagens de muitas pessoas que respeito muito. É compreensível que alguns questionem esta decisão à luz do anúncio desanimador feito há 3 anos e meio. Há muitos anos, tomei uma decisão consciente de comemorar cada passo positivo dado por minha igreja, e não me perder e me distrair com coisas que não entendia ou com as quais não concordava. Eu concordo com James. Hoje é um dia muito, muito bom, de fato.

Postado em: ,

Inscreva-se para receber conteúdo como este em sua caixa de entrada!

  • Este campo é para fins de validação e não deve ser alterado.

1 comentário

  1. Reade em 09/04/2019 às 8:38 AM

    Grande atitude. Embora seja difícil para muitos, não podemos afastar outros que podem ter uma jornada separada, sejam eles heterossexuais ou LGBTQ. A vida é sobre a inclusão de tantos quantos podemos aceitar e amar.

Deixe um Comentário